Create your own banner at mybannermaker.com!

Sexta-feira, 24 de Dezembro de 2010

Quero Um Natal à Antiga!

O natal que temos agora, está bem retratado no vídeo que se segue:

 

 

 

 

Ora, eu quero que volte a ser como era dantes. Quero o espírito de solidariedade e entreajuda, a amizade, a confraternização, mas não o consumismo que muitas vezes é ofensivo e anti-natural.

Se também pensas assim, não te limites a dizer que sim com a cabeça. Faz!

 

sinto-me: Triste
tags:
publicado por Alentejano às 17:18
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Segunda-feira, 29 de Dezembro de 2008

Os bonecos de plástico

Tenho andado deprimido. Aliás, concluí, agora, que nesta época do ano fico sempre deprimido. A alegria dos outros, a sua intensa azáfama a comprar prendas para oferecer na noite de Natal, em vez de me motivar e alegrar, desmotiva-me e entristece-me. Reparo que tem sido um processo evolutivo que tem acompanhado o crescimento dos meus filhos.

Creio que o que mais me deprime são duas coisas: por um lado, o consumismo exagerado que afecta a generalidade das pessoas, por outro, a hipocrisia de muitos de nós que durante o resto do ano nem sequer se lembram dos seus semelhantes com dificuldades e nesta época se derretem em simpatia e interesse pelos outros.
Quando eu tinha dez anos, tinham as minhas irmãs dois aninhos, mais ou menos, fui responsabilizado, pela minha Mãe, por ir adquirir uma prenda para lhes “pôr no sapatinho” era assim que se dizia. Fui a uma loja, perto de onde morávamos, na Rua Curvo Semedo, em Montemor-o-Novo e comprei dois bonecos em plástico, quase do tamanho delas naquela altura, despidos como vieram ao mundo, e elas gostaram tanto! Bom, gostaram tanto, que arrastaram os bonecos pela sua vida fora e ainda hoje descansam sobre as suas camas em casa dos nossos pais, apesar de elas se aproximarem a grande velocidade dos cinquenta anos.
Hoje, não há nenhuma criança que consiga ter este prazer, porque ou nem sequer chegam a ter um boneco de plástico como o delas ou, então, têm tantos, que nem lhes dão qualquer valor. Que pena…

 

tags:
publicado por Alentejano às 23:09
link do post | comentar | favorito
|

Estão o mais Além que podem

3022377_1mswk 9875976_OnjG1 5678845_Ruq7e

Março 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
25
26
27
28

29
30
31


posts recentes

Quero Um Natal à Antiga!

Os bonecos de plástico

arquivos

Março 2015

Janeiro 2015

Novembro 2014

Junho 2014

Abril 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

tags

todas as tags

VALOROSOS NAUTIBIKERS

7831617_lSUqD

pesquisar

 
blogs SAPO